2006-05-11

Eco do Evangelho de Domingo, 14 de Maio

«Eu sou a videira verdadeira e o meu Pai é o agricultor.
Ele corta todo o ramo que não dá fruto em mim e poda o que dá fruto, para que dê mais fruto ainda.
Vós já estais purificados pela palavra que vos tenho anunciado.
Permanecei em mim, que Eu permaneço em vós.
Tal como o ramo não pode dar fruto por si mesmo, mas só permanecendo na videira, assim também acontecerá convosco, se não permanecerdes em mim.
Eu sou a videira; vós, os ramos.
Quem permanece em mim e Eu nele, esse dá muito fruto, pois, sem mim, nada podeis fazer.
Se alguém não permanece em mim, é lançado fora, como um ramo, e seca.
Esses são apanhados e lançados ao fogo, e ardem.
Se permanecerdes em mim e as minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que quiserdes, e assim vos acontecerá.
Nisto se manifesta a glória do meu Pai: em que deis muito fruto e vos comporteis como meus discípulos.»
Jo. 15, 1 - 8

4 comentários:

  1. "Quem permanece em mim e Eu nele, esse dá muito fruto, pois, sem mim, nada podeis fazer. "
    o meu eco,frei

    ResponderEliminar
  2. "Quem permanece em mim e Eu nele, esse dá muito fruto, pois, sem mim, nada podeis fazer. "
    o meu eco,frei

    ResponderEliminar
  3. «o ramo não pode dar fruto por si mesmo, mas só permanecendo na videira».

    É óbvio e mas é dificil. Porém liberta-nos da responsabilidade dos resultados, dos frutos, o que nos tira muito "peso" dos ombros.

    ResponderEliminar
  4. "Se permanecerdes em mim e as minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que quiserdes, e assim vos acontecerá"

    ResponderEliminar