2010-07-25

a propósito do Evangelho...

"Todos sabemos que a oração de súplica é muitas vezes vista como uma forma secundária de oração, quase como um subproduto, quando comparada com a oração de louvor ou de acção de graças.
Ora, este tríptico diz-nos que, de acordo com Jesus, REZAR é PEDIR, é mesmo só PEDIR.
Aprofundando um pouco, compreendemos então que PEDIR é próprio do filho.
E é como Filho que Jesus REZA, e é no lugar de filhos que Jesus nos quer colocar.
Por isso também nos ensina a REZAR, dizendo: “Pai…” E também já sabemos que o Filho é aquele que recebe tudo do Pai, sendo o Pai aquele que dá tudo ao Filho."

in Mesa de Palavras, de António Couto

Sem comentários:

Publicar um comentário